16.12.09

O que é o Kiva?






Sistema de Micro-Empréstimos a empreendedores individuais.

O Kiva é um sistema de micro-empréstimos directos entre pessoas individuais. O conceito não é novo, foi posto em prática em 1976 por Muhammad Yunus, iniciativa de grande sucesso que lhe valeu a distinção do prémio Nobel da Paz, em 2006. A novidade deste sistema é que funciona exclusivamente através da internet.

As pessoas a quem fazemos o empréstimo são reais e é possível conhecer um pouco da sua história, do seu projecto para combater a situação de pobreza em que vivem.

O que mais atrai neste projecto é o facto de não nos pedir para “dar” mas sim para emprestar; apostar nas capacidades de cada um e, através desse empréstimo, melhorar as suas condições de vida, da sua família e da sua comunidade. É um enorme voto de confiança na capacidade empreendedora destas pessoas.
Os empréstimos, num mínimo de 25 Dólares (17,10 Euros), são feitos através da organização Kiva, que mantém o processo o mais transparente possível e não tem fins lucrativos. Como garantia, tem como principal fiador Bill Clinton, ex-presidente dos Estados Unidos.

O pagamento do empréstimo é feito num período de seis a doze meses e o Kiva envia-nos regularmente uma newsletter que nos informa do sucesso do nosso empreendedor.
Quando, findo esse prazo, o nosso empréstimo é pago, somos livres de receber o valor ou voltar a emprestar a outro empreendedor.

Trata-se de uma experiência única, que nos liga a outro homem ou a outra mulher, ajudando-o(a) a conquistar a sua independência económica, o bem-estar da sua família, o cumprimento de pequenos projectos, até agora longínquos sonhos profissionais e pessoais.
Há quem sugira que os empréstimos mais eficazes são os que têm como destinatários mulheres/ mães, porque a sua prioridade é, quase naturalmente, a melhoria das condições de alimentação, de saúde e de educação dos seus filhos e menos o crescimento ou o sucesso dos seus negócios, como acontece em geral com os homens, pelo que a transformação da realidade destas comunidades é mais rapidamente conseguida.



Um exemplo: A Yolanda tem 59 anos, é de El Salvador, precisa de 1000$, no total, para comprar mercadorias e melhorar o seu pequeno negócio de comidas e bebidas.

Vale a pena uma visita ao site http://www.kiva.org/

2 comentários:

Paulo Batista disse...

Já ouvi falar deste projecto em qualquer lado! Hehe :)

De facto, é um projecto com um conceito inovador, que possibilita um investimento na capacidade empreendedora das pessoas que apenas necessitam de um pequeno "empurrão" para incitar o início do seu negócio!

É de louvar que continue a apostar na divulgação deste projecto, professora Luísa, já que acaba por não custar nada a ninguém e ainda está pouco mediatizado, acabando por beneficiar quem mais necessita :)

Cumprimentos a todos,
Paulo Batista

Luísa Barreto disse...

Olá, Paulo
Já tinha pensado nisso;) No vosso 10º ano, propus-vos um trabalho sobre o Kiva, no contexto do estudo da ética, e vocês aceitaram e fizeram um óptimo trabalho. Se já existisse o blog nessa altura, podia ter-vos pedido para fazerem esta divulgação, já que continua a ser um projcto pouco conhecido.
E o teu " armado em artista" :)))? tem sido "alimentado" ou o 12º ano ocupa-te todo o tempo e energia?
Gostei de saber que segues este nosso projecto.
Grande abraço para ti e para os restantes amigos do "A".
Luísa Paula